Pular para o conteúdo

REUNIÃO ALINHA REALIZAÇÃO DO PROJETO CONEXÕES PELA LIBERDADE EM PALMARES

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

A Defensoria Pública do Estado de Pernambuco (DPPE) realizou, no dia 26 de setembro, uma reunião no Presídio Rorinildo da Rocha Leão (PRRL), na cidade de Palmares, na Zona da Mata Sul do estado, com o objetivo de iniciar as organizações para a terceira edição do Projeto Conexões pela Liberdade.

Serão dois dias de atividades na unidade prisional com datas ainda por definir. No primeiro dia serão realizados diversos serviços e oficinas de direitos e outras áreas como saúde. No segundo dia, todas mil pessoas privadas de liberdade do presídio serão atendidas individualmente para garantir o seu direito à informação, regularizar o seu processo, afastando eventuais ilegalidades.

O projeto tem como objetivo garantir os direitos da sociedade privada de liberdade, por meio dos serviços prestados pela Defensoria Pública de Pernambuco e demais instituições que com ela tem atuado conjuntamente ao longo dos últimos anos.

Estiveram presentes na reunião a Subdefensoria de Execução Penal, representantes do grupo de extensão Além das Grades da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), representantes da direção do presídio e a gerente técnica jurídico penal da Secretaria de Ressocialização, Clarissa Almeida.

As demais edições do Projeto Conexões pela Liberdade aconteceram na Colônia Penal Feminina de Abreu e Lima (CPFAL), em 31 de maio de 2023; e no Presídio de Vitória de Santo Antão (PVSA), em 20 de setembro do mesmo ano.

Notícias Recentes

Siga-nos

Notícias Mais Lidas

FRASE DA SEMANA – DPPE

Durante a exibição do reality show Big Brother Brasil, exibido na noite do último domingo, 22, o apresentador do BBB, Tadeu Schmidt, alertou o casal

Leia Mais »

Quem Somos

A Defensoria Pública do Estado de Pernambuco é o órgão que cumpre o DEVER CONSTITUCIONAL DO ESTADO de prestar assistência jurídica integral e gratuita à população que não tenha condições financeiras de pagar as despesas de um advogado. Essa gratuidade abrange honorários advocatícios, periciais, e custas judiciais ou extra-judiciais.

Canais de Comunicação

Agendamento da Capital:
Redes Sociais:

© 2024 Todos os direitos reservados

Pular para o conteúdo