Pular para o conteúdo

DPPE participa do Primeiro Fórum Permanente sobre População em Situação de Rua em Caruaru

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

A Defensoria Pública de Pernambuco (DPPE) participou do Primeiro Fórum Permanente sobre População em Situação de Rua de Caruaru, ocorrido na terça-feira (19), onde se reuniram várias instituições e representantes da sociedade civil com o propósito de discutir estratégias e ações em prol dessa população tão vulnerável no município.

O Subdefensor do Interior, Rafael Bento, e a Coordenadora do Núcleo da DPPE em Caruaru, a defensora pública Salete Gomes, representaram a DPPE na ocasião.

O evento, realizado na sede de Promotorias de Justiça de Caruaru, contou com a presença do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) Caruaru, Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Direitos Humanos, Secretaria Municipal de Saúde, Conselho Municipal de Assistência Social (CMAS) e demais representantes da sociedade civil organizada.

O Fórum foi delineado com o objetivo de fortalecer a atenção, o cuidado e a garantia de direitos para a população em situação de rua de Caruaru, ressaltando a urgência de medidas para enfrentar as condições que perpetuam sua vulnerabilidade. Durante as discussões, houve um enfoque particular na necessidade premente da implementação da Política Nacional para a População em Situação de Rua (PNPSR).

Além disso, foram debatidas estratégias concretas das ações que serão empreendidas pelos Órgãos Públicos e Organizações da Sociedade Civil. Nesse sentido, instituições religiosas, empresas e voluntários também foram convocados a contribuir para os esforços coletivos voltados ao amparo e à promoção dos direitos da população em situação de rua da cidade.

“Estamos aqui hoje para reforçar nosso compromisso com essa parcela tão vulnerável da nossa sociedade. A Defensoria Pública de Pernambuco está empenhada em garantir que os direitos dessas pessoas sejam respeitados e que medidas eficazes sejam tomadas para melhorar suas condições de vida”, destacou o Subdefensor Rafael Bento durante o evento.

Notícias Recentes

Siga-nos

Notícias Mais Lidas

Quem Somos

A Defensoria Pública do Estado de Pernambuco é o órgão que cumpre o DEVER CONSTITUCIONAL DO ESTADO de prestar assistência jurídica integral e gratuita à população que não tenha condições financeiras de pagar as despesas de um advogado. Essa gratuidade abrange honorários advocatícios, periciais, e custas judiciais ou extra-judiciais.

Canais de Comunicação

Agendamento da Capital:
Redes Sociais:

© 2024 Todos os direitos reservados

Skip to content