Pular para o conteúdo

Comissão interpartidária se reúne com Jetep para discutir a Lei Geral dos Esportes no Recife

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on print
Share on email

A Comissão Interpartidária de Acompanhamento da Lei Geral dos Esportes da Câmara Municipal do Recife, criada para discutir a questão da violência no futebol na capital pernambucana, foi recebida na tarde da última quinta-feira (17) por representantes do Juizado Especial Cível e das Relações de Consumo e Criminal do Torcedor (Jetep).

De acordo com a defensora pública Helane Malheiros, “a violência associada ao futebol é uma preocupação relevante para a nossa sociedade. Estamos aqui para promover uma discussão construtiva e colaborativa, buscando abordagens que promovam um ambiente seguro e saudável para todos os torcedores. A parceria entre diferentes entidades, como a Comissão Interpartidária, o MPPE e o DPPE, é essencial para abordar essa questão de maneira abrangente e eficaz.”

A instalação da Comissão Interpartidária de Acompanhamento da Violência no Futebol e Implantação da Lei Geral do Esporte ocorreu no dia quatro de julho deste ano, na Câmara Municipal do Recife, quando os sete vereadores da iniciativa promoveram a primeira reunião oficial. São eles: Rinaldo Junior (PSB), Gilberto Alves (REP), Liana Cirne (PT), Ivan Morais (PSol), Junior di Bria (PSB), Alcides Cardoso (PSDB) e Almir Fernando (PCdoB).

O Jetep é uma iniciativa do Tribunal de Justiça de Pernambuco (TJPE), em parceria com a Defensoria Pública de Pernambuco, a Polícia Militar, a Polícia Civil, o Ministério Público e os Clubes de Futebol com o objetivo de combater a prática da violência entre as torcidas durante uma partida de futebol no Estado.

Notícias Recentes

Siga-nos

Notícias Mais Lidas

Quem Somos

A Defensoria Pública do Estado de Pernambuco é o órgão que cumpre o DEVER CONSTITUCIONAL DO ESTADO de prestar assistência jurídica integral e gratuita à população que não tenha condições financeiras de pagar as despesas de um advogado. Essa gratuidade abrange honorários advocatícios, periciais, e custas judiciais ou extra-judiciais.

Canais de Comunicação

Agendamento da Capital:
Redes Sociais:

© 2024 Todos os direitos reservados

Pular para o conteúdo